Laboratório de terras raras da Fiemg deve impulsionar pesquisas para setores elétrico e automotivo em 2024

Publicado em

 

A Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) investiu R$ 35 milhões na aquisição do Laboratório de Produção de Ímãs de Terras Raras (LABFAB ITR) da Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemge). A assinatura de um termo pelo presidente da Federação, Flávio Roscoe, e o diretor-presidente da Codemge, Thiago Toscano, oficializou a transação no último dia 21 de dezembro.

A aquisição do laboratório é considerada estratégica pela Fiemg e visa estabelecer uma base sólida para avanços significativos no setor de terras raras. As metas incluem o desenvolvimento de pesquisa e inovação, focando na eficiência dos ímãs e em sua aplicação em setores como o elétrico e automotivo.

“A aquisição do laboratório LABFAB ITR é um grande passo para o futuro das terras raras em Minas Gerais”, disse o presidente da FIEMG destacando a percepção e a visão da Codemge ao construir esse ativo. “O laboratório está pronto e a operacionalização vai para a iniciativa privada. A FIEMG já conta com uma rede de laboratórios e o LABFAB ITR será incorporado ao ecossistema de inovação da entidade, que conta com mais de 200 pesquisadores”, enfatizou.

Com a aquisição do LABFAB ITR, localizado em Lagoa Santa, a Fiemg se comprometeu não só a manter, mas também enriquecer o projeto com treinamento contínuo e especialização do corpo técnico.

Laboratório atenderá demanda crescente

A Fiemg planeja comissionar a única planta de produção de ímãs de terras raras do Brasil, com capacidade de produção de até 100 toneladas por ano. O objetivo é ampliar a capacidade de produção nacional e atender à demanda crescente do mercado.

Conforme revelado pelo diretor Thiago Toscano, o LABFAB ITR enfrentava desafios operacionais significativos em função da dependência de insumos essenciais produzidos na China: “A Companhia optou por buscar um parceiro estratégico capaz de operar eficientemente a planta piloto, a planta principal e todos os laboratórios vinculados ao projeto”.

O presidente da Fiemg diz que a estrutura vai permitir que as indústrias tenham acesso a imãs de altíssima tecnologia que serão uma fonte alternativa de abastecimento. “Uma equipe de profissionais está sendo preparada e a expectativa é que o laboratório entre em operação em abril do ano que vem, deixando Minas Gerais na vanguarda de terras raras. Essa parceria com a Codemge é fundamental”, diz Flávio Roscoe.

Fiegmg e o LABFAB ITR prometeram trabalhar em projetos estruturantes para promover a sustentabilidade, eficiência e competitividade do setor, por meio de parcerias com Instituições de Ciência e Tecnologia (ICT’s). Elas terão papel fundamental para a execução de projetos relacionados ao setor de ímãs de terras raras, segundo as instituições.

Clique e saiba mais sobre terras raras. Para saber mais sobre o LABFAB ITR, clique aqui.

Matérias Relacionadas

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Festival Os Sons do Brasil’ chega em Ouro Preto e Mariana entre 20 a 22 de junho

Entre os dias 20 a 22 de junho, Ouro Preto e Mariana serão palcos...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...