Estado formalizou cerca de R$ 3,9 bilhões em investimentos em projetos relacionados a fontes alternativas de energia

Publicado em

Minas Gerais é líder do país em energia solar fotovoltaica e uma das melhores localizações do mundo para esse modelo de geração. Essa cadeia produtiva está cada vez mais consolidada no estado. Além disso, os mineiros começaram a concentrar-se no futuro da geração de energia limpa.

Em 2023, o estado investiu oficialmente cerca de 3,9 bilhões de reais em projetos relacionados a energias alternativas, tornando a atividade um dos cinco setores que mais atraiu investimentos no ano passado.

O hidrogénio verde, o biogás e o biodiesel são alguns dos produtos visados ​​por estes novos investimentos e espera-se que se consolidem nos mercados energéticos globais nos próximos anos.

Como resultado, esses projetos podem ampliar a liderança de Minas Gerais na produção de energia limpa, criar empregos e tornar o nosso estado um modelo de desenvolvimento sustentável para o mundo.

Empresa alemã investe em MG R$ 70 milhões em energia limpa

Um dos projetos mais promissores está a todo vapor em Belo Horizonte. A empresa alemã Neuman & Esser (NEA), que há mais de 27 anos fabrica compressores industriais em Minas Gerais, está investindo cerca de R$ 70 milhões em uma nova fábrica de equipamentos para produção de hidrogênio verde, a primeira da América Latina A primeira fábrica do gênero.

A construção da nova unidade está em andamento em um terreno próximo à atual sede. Quando estiver pronta, até o segundo semestre de 2024, a planta com equipamentos para produzir hidrogênio verde (como membranas de troca de prótons e eletrolisadores alcalinos, bem como reformadores de etanol e biometano ou gás natural) empregará diretamente 70 pessoas e afetará indiretamente mais 350 empregos.

Matérias Relacionadas

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

“É impossível conduzir uma agência na situação que ela está” – diz AMIG sobre Agência Nacional de Mineração

A Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil(AMIG) declarou apoio aos...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...