Executivos da Vale se tornam réus pelo rompimento da barragem em Brumadinho

Publicado em

Nesta segunda-feira (23), a Justiça Federal de Minas Gerais aceitou a denúncia realizada pelo Ministério Púbico Federal (MPF) em relação aos responsáveis pela tragédia de Brumadinho.

Após a ratificação da justiça, as empresas Vale, Tüv Süd e dezesseis executivos, incluindo o ex-presidente da Vale, Fabio Schvartsman, passaram à condição de réus. A acusação já havia acontecido enquanto o caso estava em tramitação na esfera da Justiça Estadual. No entanto, a ação foi anulada pelo Supremo Tribunal de Justiça (STJ).

Fabio Schvartsman Foto Marcelo Camargo Agencia Brasil
Fabio Schvartsman – Ex Presidente da Vale. Foto: Marcelo Camargo | Agência Brasil

Os crimes denunciados foram: crimes ambientais (contra fauna, flora e poluição) e homicídio qualificado 270 vezes (número de mortes do desastre). De acordo com o MPF, a ação ainda pode passar por por alterações, seja complementar, substituir e acrescentar novos crimes, se necessário. A procuradora Mirian Moreira Lima afirmou que a ratificação da denúncia é urgente devido ao teor da decisão tomada pela ministra Rosa Weber, a qual destacou a possibilidade de prescrição de alguns crimes.

A Tüv Süd ainda não se pronunciou acerca da decisão. A Vale, por sua vez, divulgou uma nota sobre o assunto. Confira na íntegra:

“A Vale reafirma o seu profundo respeito pelas famílias impactadas direta e indiretamente pelo rompimento da barragem 1, em Brumadinho, e segue comprometida com a reparação e compensação dos danos. A companhia reforça que sempre pautou suas atividades por premissas de segurança” 

-Vale

Confira, abaixo, a lista dos réus.
  1. Alexandre De Paula Campanha;
  2. Andre Jum Yassuda;
  3. Arsenio Negro Junior;
  4. Cecilio Junior;
  5. Cesar Augusto Paulino Grandchamp;
  6. Chris-Peter Meier (Gerente da Tuv Sud No Brasil e gestor da Tuv Sud na Alemanha);
  7. Cristina Heloiza Da Silva Malheiros;
  8. Fabio Schvartsman
  9. Felipe Figueiredo Rocha;
  10. Joaquim Pedro De Toledo;
  11. Lucio Flavo Gallon Cavalli;
  12. Makoto Namba;
  13. Marilene Christina Oliveira Lopes De Assis Araujo;
  14. Marlisio Oliveira
  15. Renzo Albieri Guimaraes Carvalho;
  16. Silmar Magalhaes Silva
  17. Tuv Sud Brasil Consultoria Ltda;
  18. Vale SA….
  19. Washington Pirete Da Silva;

Saiba mais sobre Brumadinho em:
https://cidadeseminerais.com.br/brumadinho/

https://cidadeseminerais.com.br/justica-federal-de-minas-gerais-inicia-acao-penal-por-brumadinho-apos-determinacao-do-stf/

 

 

Matérias Relacionadas

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

“É impossível conduzir uma agência na situação que ela está” – diz AMIG sobre Agência Nacional de Mineração

A Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil(AMIG) declarou apoio aos...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...