Série Debaixo da Terra, Acima dos Padrões: Prevenção de quedas de materiais e uso seguro de equipamentos

Publicado em

 

Dentro do ambiente desafiador de uma mineradora, a segurança e a saúde dos trabalhadores são de suma importância. Este artigo explora uma série de medidas e procedimentos que garantem a segurança em todas as etapas da produção, com um foco especial na prevenção de quedas de materiais e no uso seguro de equipamentos e ferramentas.

A prevenção de quedas de materiais começa com um planejamento cuidadoso e uma avaliação detalhada dos riscos. Antes mesmo de iniciar as operações, é essencial realizar inspeções prévias de todos os locais de trabalho e planejar as atividades para que ações preventivas possam ser implementadas. Isso inclui garantir a estabilidade dos maciços rochosos, controlar e monitorar as bancadas, tetos, paredes e verificar continuamente a estabilidade das áreas previamente lavradas.

Para cada tarefa, é crucial a utilização dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) adequados, definidos pela equipe de Segurança e Saúde no Trabalho (SST) da empresa. Estes EPIs variam de acordo com a natureza da tarefa e podem incluir itens como capacetes, calçados de segurança, óculos de proteção, protetores auriculares e luvas de raspa. Em atividades que envolvem riscos de quedas, como trabalhos em altura ou próximos às bordas de bancadas, medidas adicionais como o uso de cinto de segurança, ancoragem segura e instalação de telas de proteção são essenciais.

Outro aspecto crítico é o manejo seguro de materiais, especialmente durante a movimentação de cargas pesadas. Equipamentos de içar e transportar devem ter dimensões adequadas e serem estabilizados de forma segura no solo. A inspeção prévia de cabos de aço, cintas e outros equipamentos é fundamental para garantir que eles estejam em boas condições e sejam capazes de suportar as cargas a serem movimentadas.

Nas operações com correias transportadoras, medidas específicas são necessárias para evitar acidentes. Isso inclui a instalação de bandejamentos e coberturas, proteção adequada das passarelas de acesso e a prevenção de sobrecargas e deslizamentos. A segurança ao trabalhar em alturas é igualmente crucial, exigindo o uso de EPIs específicos, como cintos de segurança, e a fixação adequada de ferramentas e equipamentos para evitar quedas.

Nas minas, a vigilância constante é necessária para detectar e tratar quaisquer instabilidades, como rochas soltas nas cristas de bancadas e fraturas que possam causar quedas de materiais. As revisões periódicas por profissionais habilitados são essenciais para monitorar movimentos dos estratos, tratar teto e paredes adequadamente, e controlar a presença de fatores causadores de instabilidade, como água, gases e rochas alteradas.

Em galerias subterrâneas, especialmente em minas de carvão, os cuidados precisam ser redobrados devido à presença de chocos, ou rochas instáveis, no teto e nas paredes. Equipes especializadas devem realizar inspeções visuais e auditivas constantes para detectar falhas ou ruídos que indiquem estresse no maciço. Em caso de detecção de chocos, a não conformidade deve ser corrigida de maneira mecanizada, substituindo o abatimento manual pelo abatimento mecanizado, sempre que possível.

Superando a série de riscos envolvidos 

Além das medidas de segurança já mencionadas, é essencial também considerar a gestão de riscos associados a eventos naturais e as condições geológicas específicas de cada mina. As operações de mineração estão sujeitas a uma variedade de riscos naturais, incluindo deslizamentos de terra, inundações e terremotos. Um planejamento cuidadoso e uma avaliação de riscos geológicos são fundamentais para preparar e responder eficazmente a esses eventos.

Isso envolve a implementação de sistemas de monitoramento geotécnico, que podem alertar antecipadamente sobre mudanças no maciço rochoso ou em outras condições que possam representar um risco. A capacidade de prever e responder prontamente a esses riscos naturais não só ajuda a proteger a vida dos trabalhadores, mas também minimiza as interrupções operacionais, garantindo uma operação de mineração mais segura e resiliente.

O transporte de minérios em caminhões deve ser realizado com cuidado, assegurando que os caminhões sejam carregados corretamente e que não sejam sobrecarregados. A comunicação eficaz entre as equipes é crucial para garantir que todos os procedimentos de segurança sejam seguidos.

Em suma, a segurança e a saúde no trabalho em mineração exigem uma abordagem holística que envolve desde o planejamento cuidadoso até a execução segura das atividades. Seguir as medidas de segurança, usar os EPIs adequados e manter uma comunicação clara e efetiva são fundamentais para garantir um ambiente de trabalho seguro para todos os envolvidos.

 

Rodrigo Oilver Prolife
Rodrigo Oliver é Engenheiro de Segurança do Trabalho e Higienista Ocupacional, com consultorias prestadas para mais de 200 empresas na área de mineração, responsável técnico pelo software e-Social Brasil, adotado em todo o país, e pela rede de clinica médicas ocupacionais ProLife, atuando nas Cidades e Minerais de Itabira, Barão de Cocais, Nova Lima, Itabirito, Mariana e Congonhas.

Matérias Relacionadas

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

“É impossível conduzir uma agência na situação que ela está” – diz AMIG sobre Agência Nacional de Mineração

A Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil(AMIG) declarou apoio aos...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...