Prefeito de Itabira fala sobre projetos até o fim do mandato

Publicado em

Em entrevista ao Interlocução Brasil e ao Cidades e Minerais, Marco Antônio Lage falou sobre seus projetos na gestão do município. Leia a matéria a seguir e saiba mais.

Nesta quinta-feira (23), o jornalista Mauro Quintão conversou com o jornalista e atual prefeito de Itabira, Marco Antônio Lage. O executivo falou sobre sua experiência na gestão pública do município que é considerado “o berço da mineração”. Após 25 anos como diretor de Comunicação e Sustentabilidade da FIAT, Marco Antônio afirma que a administração pública é uma experiência nova, mas que se relaciona com a sua trajetória no setor privado.

“A gente traz para a gestão pública toda a vivência e experiência da iniciativa privada pautada no rigor técnico, na cobrança, no compromisso de entrega e, principalmente, em cronogramas de atuação, sobretudo planejamento. […] A política e o sistema da gestão pública são diferentes da iniciativa privada, não é uma empresa. Muitas vezes temos mais velocidade na iniciativa privada, mas eu estou muito feliz porque acredito que nós estamos conseguindo fazer da nossa gestão um modelo muito interessante que pode ser copiado por outras cidades.” – destacou.

Planejamento e projetos

O prefeito afirmou que Itabira possui um plano de metas formado por 97 projetos que já estão sendo executados. O plano é focado na área social, a qual envolve educação, saúde, saneamento básico, esporte e cultura. De acordo com Marco Antônio, esses setores formam o “eixo humano” e estavam sendo sucateados.

“Estamos reformulando toda a educação da cidade, reformando todas as escolas. Na saúde e no esporte, a mesma coisa. Nós renascemos a cultura de Itabira e no saneamento básico, era só 42% de esgoto tratado, nós iremos entregar à cidade 80 a 90% até o final do mandato.” – acrescentou.

Diversificação econômica

A mineração é uma das principais atividades de Itabira. No entanto, a mineradora Vale, que opera na cidade há mais de 80 anos, anunciou que irá encerrar suas atividades no município em 2031. Atualmente, a finitude dos recursos minerais faz com que a diversificação econômica seja o maior desafio enfrentado pela cidade. Em relação à esse tema, o prefeito afirmou que o plano de diversificação econômica está sendo desenvolvido para que a cidade possa ‘sobreviver” após o encerramento da atividade mineral.

“Esse plano tem várias vertentes: o turismo que está acontecendo, o polo educacional, o polo médico e, também, a parte de tecnologia. Nós estamos com uma grande plataforma para trazer e fazer virar verdade o parque tecnológico e as empresas de tecnologia sejam uma vertente para que o futuro cidadão, os jovens de Itabira, possam trabalhar futuramente em uma empresa de tecnologia.” – destacou.

Vice-presidência da FNP

No dia 14 de março, Marco Antônio Lage foi empossado como vice-presidente da Frente Nacional dos Prefeitos (FNP), em Brasília. De acordo com o prefeito, toda a região do Quadrilátero Ferrífero e do Médio Piracicaba vem sendo esquecida pelo governo estadual e federal devido à falta de presença política em Brasília.

“A FNP é uma instituição que congrega prefeitos do Brasil todo, de cidades acima de 80 mil habitantes. Estar na posição de vice-prefeito da FNP é importante para colocar o tema de Itabira e de toda a nossa região. […] Há 30 anos nossa região não recebe recursos do governo federal e estadual. Isso é falta de presença política em Brasília. Eu acho que a minha posição na FNP vai ajudar Itabira e região a ter voz ativa na política nacional.” – afirma.

Em janeiro deste ano, Marco Antônio Lage também foi eleito presidente Associação dos Municípios do Médio Piracicaba (Amepi) e do Consórcio Intermunicipal Multissetorial do Médio Piracicaba (Consmepi) para a gestão 2023-2024. A associação oferece serviços locais de ampliação econômica e social além de assistência técnica e cursos de capacitação para a região.

Além dos projetos, o prefeito também falou sobre a possibilidade de duplicação da rodovia que liga Itabira à BR 381 e sobre a parceria entre o poder público e a Vale.

 

 

 

Matérias Relacionadas

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

“É impossível conduzir uma agência na situação que ela está” – diz AMIG sobre Agência Nacional de Mineração

A Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil(AMIG) declarou apoio aos...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...