Máquinas autônomas e o futuro da mineração

Publicado em

A utilização de maquinário autônomo na mineração é cada vez maior no Brasil e no mundo. Com o objetivo de aumentar a produtividade e diminuir os riscos de acidentes operacionais, as mineradoras estão investindo em tecnologia de automação dos processos.

O avanço da tecnologia e a presença de máquinas autônomas no setor da mineração está em constante crescimento. Atualmente, várias etapas da exploração mineral já contam com equipamentos autônomos. Na região dos Carajás, por exemplo, a Vale possui caminhões autônomos com capacidade de transportar cerca de 320 toneladas de minério em áreas específicas e isoladas. Além disso, algumas mineradoras utilizam equipamentos de perfuração, pesagem e empilhamento de minério e até beneficiamento mineral que não precisam de operação humana.

No entanto, aderir às novas tecnologias do setor não é tão simples. Para que o funcionamento do maquinário autônomo seja seguro, realiza-se um longo processo de investimentos, pesquisas e muitos testes. A qualificação dos operadores também é um ponto que precisa ser trabalhado. As máquinas autônomas funcionam com base na coleta de dados, inteligência artificial, radares e recursos remotos. Portanto, as cabines de controle precisam de profissionais capacitados para a operação.

Cabine de controle para operacao de maquinario autonomo
Cabine de controle para operação de maquinário autônomo. Imagem: Reprodução Instagram

Minas autônomas no Brasil

A primeira mina autônoma do Brasil é a Mina de Brucutu, da Vale. Localizada em São Gonçalo do Rio Abaixo, Minas Gerais, ela é a maior produtora de minério de ferro no estado de Minas Gerais. Além de Brucutu, a unidade da CBA (Companhia Brasileira de Alumínio) localizada em Miraí também realiza a maior parte dos processos de forma autônoma.

Mina de Brucutu. Reproducao Prefeitura de Sao Goncalo do Rio Abaixo
Mina de Brucutu em Minas Gerais. Imagem: Reprodução Prefeitura de São Gonçalo do Rio Abaixo

A utilização de máquinas autônomas no processo de exploração mineral é um fator de interesse para as grandes mineradoras. Para os especialistas, a tendência é de crescimento do setor e consequentemente, aumento da eficiência na produção mineral.

Do ponto de vista socioeconômico, o aumento da produtividade e a diminuição dos riscos de acidentes são pontos positivos na automação dos processos. Porém, a diminuição da demanda de mão de obra pode interferir de forma significativa na geração de empregos do setor.

Matérias Relacionadas

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

“É impossível conduzir uma agência na situação que ela está” – diz AMIG sobre Agência Nacional de Mineração

A Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil(AMIG) declarou apoio aos...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...