Denúncias de estelionato em João Monlevade cresceram 33,9% em 2023

Publicado em

 

A Polícia Civil divulgou na segunda-feira (25) um aumento significativo de 33,9% nas denúncias de estelionato na cidade de João Monlevade, em 2023, em comparação com o ano anterior. Enquanto em 2022 a cidade registrou 510 ocorrências desse tipo, em 2023 foram reportadas 683 queixas por golpes.

Esses dados abrangem informações de todos os 97 municípios do 12º Departamento, incluindo os 17 do Médio Piracicaba.

Veja os dados de estelionato em João Monlevade em 2023 e região

Itabira se destacou na região como a cidade com a maior quantidade de denúncias, totalizando 1.081 ocorrências no ano passado. No entanto, houve uma queda de 4,16% em relação a 2022, quando foram registradas 1.128 ocorrências. A taxa de crimes desse tipo na região é de 95,37 para cada 10 mil habitantes, enquanto em João Monlevade, é de 85,17.

A 4ª Delegacia Regional, sediada em João Monlevade, registrou 1.176 ocorrências de estelionato em 2023, um aumento de 19,51% em comparação com o ano anterior, quando foram registradas 984 ocorrências. Isso resulta em uma taxa de 67,84 ocorrências para cada 10 mil cidadãos.

Além de João Monlevade, a regional também é responsável por Bela Vista de Minas, Rio Piracicaba, Nova Era, São Domingos do Prata, Alvinópolis, São José do Goiabal, Dionísio, Dom Silvério e Sem-Peixe.

Os outros municípios do Médio Piracicaba são atendidos pela 3ª Delegacia Regional, sediada em Itabira, que teve 1.745 queixas de estelionato em 2023, resultando em uma taxa de 77,91 ocorrências para cada dez mil habitantes, uma diminuição de 2,83% em relação a 2022, quando foram registradas 1.796 ocorrências.

A regional também abrange Barão de Cocais, Santa Bárbara, São Gonçalo do Rio Abaixo, Santa Maria de Itabira, Catas Altas, Bom Jesus do Amparo, e Ferros, Carmésia, Itambé do Mato Dentro e Passabém.

Cuidados a serem tomados para não serem vítimas de crimes de estelionato

Para evitar ser vítima de crimes de estelionato, é importante que os cidadãos tomem alguns cuidados básicos e estejam sempre atentos. Aqui estão algumas medidas que podem ajudar a prevenir esses tipos de crimes:

Desconfie de ofertas muito vantajosas: Se uma oferta parece boa demais para ser verdade, é provável que seja uma tentativa de golpe. Desconfie de propostas que prometem lucros muito altos ou benefícios extraordinários com pouco esforço.

Verifique a reputação da empresa ou pessoa: Antes de fazer qualquer negócio ou transação, pesquise sobre a reputação da empresa ou pessoa envolvida. Procure por informações online, avaliações de outros consumidores e possíveis reclamações.

Proteja seus dados pessoais e financeiros: Nunca compartilhe informações pessoais ou financeiras, como números de documentos, senhas ou dados bancários, com desconhecidos ou em sites não confiáveis. Mantenha seus dados seguros e evite fornecê-los sem uma razão legítima.

Fique atento a e-mails e mensagens suspeitas: Desconfie de e-mails ou mensagens de texto que solicitam informações pessoais ou financeiras, pedem que você clique em links suspeitos ou façam promessas duvidosas. Essas podem ser tentativas de phishing, um tipo comum de golpe online.

Verifique a autenticidade de documentos e identidades: Sempre que possível, verifique a autenticidade de documentos, contratos ou identidades apresentadas durante negociações ou transações. Peça por documentos adicionais, faça perguntas e confirme informações importantes.

Esteja atento a pressões e urgências: Golpistas muitas vezes tentam criar uma sensação de urgência para induzir as pessoas a tomar decisões precipitadas. Se sentir pressionado a agir rapidamente, tire um tempo para pensar e avaliar a situação com calma.

Mantenha-se informado sobre novos golpes: Esteja sempre atualizado sobre os tipos de golpes mais comuns e as táticas utilizadas pelos criminosos. Fique atento a alertas de segurança e informações compartilhadas por autoridades policiais e órgãos de proteção ao consumidor.

Seguindo essas precauções básicas e mantendo-se vigilante, você pode reduzir significativamente o risco de se tornar vítima de crimes de estelionato. Lembre-se sempre de confiar em sua intuição e buscar orientação profissional se tiver dúvidas ou suspeitas sobre uma determinada situação.

Matérias Relacionadas

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Festival Os Sons do Brasil’ chega em Ouro Preto e Mariana entre 20 a 22 de junho

Entre os dias 20 a 22 de junho, Ouro Preto e Mariana serão palcos...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...