Diversificação econômica nas Cidades e Minerais

Publicado em

A mineração é, sem dúvidas, uma das principais atividades econômicas do Brasil. No entanto, os recursos minerais são não renováveis, ou seja, são finitos na natureza. Diante desse cenário, as Cidades e Minerais estão buscando desenvolver projetos de diversificação econômica para equilibrar a dependência da mineração.

A diversificação econômica é uma prática que consiste em investir e incentivar novas atividades produtivas a fim de variar a fonte de renda da população em relação ao setor predominante em determinado local. No caso da mineração, os projetos de diversificação são urgentes e necessários, visto a dependência que algumas cidades possuem da atividade principalmente em Minas Gerais.

Quando uma mineradora se instala em alguma cidade, ela exerce uma grande influência sobre a sua geração de empregos e geração de renda. Atualmente, a mineração é responsável por 3% do PIB brasileiro segundo o Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM). Quando as minas e os recursos explorados chegam à exaustão, as empresas encerram as atividades para se sediarem em um lugar mais estratégico do ponto de vista da mineração. Nessas ocasiões, existe um certo colapso socioeconômico nas Cidades e Minerais: a população recorre ao serviço público, mas a falta de projetos de diversificação econômica não consegue acolher e suprir as necessidades dos moradores.

Um exemplo que pode ilustrar importância da diversificação econômica nas Cidades e Minerais é a cidade de Itabira, em Minas Gerais. Localizada na região do quadrilátero ferrífero, Itabira é o berço da Vale e já foi considerada a “Cidade do Ferro”. Após 60 anos de exploração mineral, a cidade encara uma perspectiva de futuro incerta em relação aos recursos minerais. De acordo com Waldir Salvador, consultor de relações institucionais e desenvolvimento econômico da AMIG, em cerca de 20 anos, Itabira será uma “ex-mineradora”. Para Clodomiro de Oliveira, escritor do livro “A Concessão Itabira Iron”, a cidade pode perder até 80% de sua receita com a retirada da mineração.

 
itabira
Cidade de Itabira e área explorada pela mineração. Imagem: reprodução Revista Ecológico.
Como funciona a diversificação econômica na prática?

Dado o atual contexto, é evidente que as políticas de diversificação econômicas são muito importantes para o futuro das Cidades e Minerais A lei 13540 orienta que as Cidades e Minerais apliquem os recursos oriundos da CFEM (Compensação Financeira pela Exploração Mineral) em projetos de infraestrutura e diversificação. Além de incentivar o cumprimento dessa lei, a Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais (AMIG) sugere a criação do “Fundo para a Mineração”.

O Fundo da Mineração consiste em uma política permanente de fomento e incentivo à diversificação econômica. A política deveria envolver recursos e projetos socioeconômicos para atender à população em uma possível exaustão mineral. A AMIG acredita que com a ausência desses fundos e políticas consistentes de diversificação, muitas cidades poderão se tornar novas “Itabiras” no futuro.

Alguns municípios já estão trabalhando na construção desses projetos. Conceição do Mato Dentro, por exemplo, está trabalhando na criação do “Fundo Soberano”. Segundo Zé Fernando, prefeito da cidade, a pauta é de extrema importância e está sendo trabalhada em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico.

Matérias Relacionadas

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

“É impossível conduzir uma agência na situação que ela está” – diz AMIG sobre Agência Nacional de Mineração

A Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil(AMIG) declarou apoio aos...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...