Ação coletiva envolvendo 700 mil impactados pela lama do Rio Doce começa a ser analisada pela Justiça inglesa

Publicado em

Entre os dias 31 de janeiro e 1° de fevereiro, a Justiça Inglesa irá analisar uma ação coletiva movida por 700 mil atingidos pelo rompimento da barragem da Samarco, em Mariana (MG), — que provocou a morte de 19 pessoas e impactou populações de várias cidades ao longo da bacia do Rio Doce, em Minas Gerais e no Espírito Santo.

A ação é movida contra as mineradoras BHP Billiton e Vale, acionistas da Samarco, que devem mandar representantes para as sessões.

Audiências em Londres vão contar com a presença de indígenas, quilombolas, entre outros grupos impactados pela lama do Rio Doce

A reunião será realizada no Tribunal de Tecnologia e Construção de Londres e discutirá o andamento do processo, o que será levantado no julgamento, planos e cronograma para a próxima audiência. O julgamento de responsabilidade por violação de barragens está programado para ocorrer nos tribunais da Inglaterra e do País de Gales em outubro de 2024.

As audiências em Londres vão contar com a presença de indígenas, quilombolas, entre outros grupos impactados.

Ações coletivas ambientais estão pendentes nos tribunais do Reino Unido desde 2018 contra a anglo-australiana BHP Billiton. Depois que um tribunal britânico confirmou a jurisdição do caso na Inglaterra e no País de Gales, a BHP fez um pedido à Vale em 2022 para que a Vale também fosse responsável pelo pagamento de eventuais custos de condenação, mas isso foi contestado pela empresa brasileira.

Matérias Relacionadas

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Festival Os Sons do Brasil’ chega em Ouro Preto e Mariana entre 20 a 22 de junho

Entre os dias 20 a 22 de junho, Ouro Preto e Mariana serão palcos...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...