Gerdau: Prefeito de Barão de Cocais diz que fechamento repentino em 27 de maio foi “traição”

Publicado em

 

A siderúrgica Gerdau anunciou na tarde desta segunda-feira (27) a paralisação da usina de Barão de Cocais, município do Quadrilátero Ferrífero, localizado na microrregião do Médio Piracicaba. A empresa demitirá 487 funcionários, conforme informado pelo do Sindicato dos Metalúrgicos da cidade.

A Gerdau informou que a unidade entrará em um período de “hibernação” e que os funcionários demitidos receberão seus direitos trabalhistas. O fato foi lamentado pelo presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Barão de Cocais, Eliseu Santa Cruz. Ele criticou a falta de comunicação prévia e antecipou a veículos de imprensa da região que o motivo do fechamento da unidade é a concorrência com o aço chinês.

O impacto em Barão de Cocais é grande, já que a siderúrgica não só gera empregos como movimenta o comércio e a rede hoteleira da cidade. Fundada há 101 anos na cidade, a Gerdau somente avisou da paralisação à Prefeitura nesta segunda-feira, o que causou revolta ao prefeito Décio do Santos.

“Nós nos sentimos traídos pela empresa. Faltou negociação, faltou um pouco mais de transparência, até mesmo para os funcionários, que chegaram para trabalhar e descobriram que estavam demitidos. Faltou buscar uma via, uma negociação para efetivar o fechamento”, disse o prefeito em suas redes sociais.

O chefe do Executivo Municipal informou que irá procurar esferas superiores da empresa para estabelecer diálogo, além do sindicato que representa os funcionários. No final do ano passado a Gerdau já havia demitido 700 trabalhadores em outras unidades, mantendo o funcionamento efetivo apenas na fábrica de Ouro Branco. Clique e relembre.

VEJA A NOTA DA GERDAU NA ÍNTEGRA

A Gerdau confirma que na data de hoje, 27 de maio, está implementando a hibernação da unidade de Barão de Cocais que resultará na paralisação da operação na usina. A decisão é resultado de uma profunda análise da competitividade da planta, face às condições do mercado de aço no Brasil. Os custos elevados de matérias-primas e a insuficiência da produção de minério de ferro próprio, em Minas Gerais, somados à uma estrutura com menor nível de atualização tecnológica da usina, estão afetando diretamente a competitividade da unidade frente ao cenário desafiador do setor. A medida está em linha com o planejamento estratégico da companhia de otimização dos seus ativos.

A companhia está empenhada em conduzir esse processo de forma humanizada para minimizar o impacto para o público interno e comunidades vizinhas. A empresa buscará a realocação do máximo de colaboradores em outras unidades, além de oferecer programas de capacitação na área industrial para os profissionais e gestão com foco empreendedorismo para a comunidade.

A Gerdau reforça o seu compromisso com os colaboradores e colaboradoras e a sociedade e com a manutenção de um diálogo aberto e transparente com todas as partes interessadas. A Gerdau ressalta ainda que o atendimento aos clientes se manterá inalterado.

Matérias Relacionadas

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Festival Os Sons do Brasil’ chega em Ouro Preto e Mariana entre 20 a 22 de junho

Entre os dias 20 a 22 de junho, Ouro Preto e Mariana serão palcos...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...