Série Debaixo da Terra, Acima dos Padrões: Práticas para montagem e utilização de andaimes

Publicado em

 

Em atividades de mineração, o uso de andaimes é uma prática comum, especialmente quando é preciso realizar trabalhos em altura. Um dos aspectos mais críticos para garantir a segurança e eficiência é a correta montagem e utilização desses equipamentos.

O primeiro passo é certificar-se de que apenas profissionais habilitados estão envolvidos na montagem, pois essa é uma tarefa que exige um conhecimento técnico específico e habilidades práticas. Antes de começar a montagem, é essencial que todos os trabalhadores estejam devidamente equipados com equipamentos de proteção individual, como cinto de segurança com talabartes duplos, conectores de grande abertura, luvas de couro, capacete com jugular, óculos e calçado de segurança.

Um aspecto muitas vezes subestimado, mas crucial, é a vistoria das peças que compõem o andaime. Essas devem ser examinadas cuidadosamente para verificar se há defeitos, como nós, rachaduras, ferrugens ou sujeira de óleo. Qualquer material que não atenda aos padrões de qualidade deve ser imediatamente descartado. Um passo igualmente importante é o isolamento da área onde o andaime será montado. Sinais de “Interditado” devem ser colocados em locais visíveis para prevenir o acesso não autorizado ao local de trabalho, e a área deve ser isolada a pelo menos um metro em locais fechados e dois metros em áreas abertas.

A montagem propriamente dita deve seguir rigorosamente as normas de segurança. Isso inclui o uso de travessões em alturas específicas, além de rodapés para impedir quedas. Os trabalhadores devem usar cintos metálicos com alça dupla para içar os materiais necessários, como tubos, braçadeiras e tábuas. Além disso, o andaime deve ser periodicamente ancorado a uma estrutura sólida para garantir sua estabilidade, principalmente se a montagem for realizada em vão livre. Amarrações adicionais podem ser necessárias para resistir à ação do vento, especialmente em locais expostos.

O planejamento e execução do trabalho devem ser comunicados claramente a toda a equipe, e os procedimentos devem ser documentados em uma ficha de inspeção de andaimes. Isso ajuda a garantir que todos os passos foram seguidos e que o andaime é seguro para uso. O projeto só deve ser liberado para uso após uma avaliação cuidadosa e a obtenção das devidas autorizações.

Trabalhar nos andaimes

Assim que o andaime estiver pronto para uso, é crucial que os trabalhadores estejam cientes das melhores práticas para se mover e trabalhar na estrutura elevada. Isso inclui usar a escada apropriada para acessar diferentes níveis e garantir que todos os equipamentos de segurança, como redes e guarda-corpos, estejam em seus devidos lugares. A desmontagem, como a montagem, é um processo que deve ser realizado com o máximo cuidado, seguindo todas as precauções de segurança para garantir que a estrutura seja desmantelada de forma segura e eficiente.

Para concluir, a montagem e utilização de andaimes em atividades de mineração são tarefas que exigem um alto nível de competência, atenção aos detalhes e rigor nos procedimentos de segurança. Um andaime bem montado e bem utilizado não apenas facilita o trabalho em altura, mas também protege a integridade física dos trabalhadores, minimizando os riscos de acidentes graves. Portanto, é fundamental que as diretrizes de segurança sejam estritamente observadas desde o planejamento até a desmontagem do andaime.

Rodrigo Oliver é Engenheiro de Segurança do Trabalho e Higienista Ocupacional, com consultorias prestadas para mais de 200 empresas na área de mineração; responsável técnico pelo software eSocial Brasil e pela rede de clinica médicas ocupacionais Pro Life, com atuação em Itabira, Barão de Cocais, Nova Lima, Itabirito, Mariana e Congonhas..
Rodrigo Oliver é engenheiro de Segurança do Trabalho e Higienista Ocupacional, com consultorias prestadas para mais de 200 empresas na área de mineração; responsável técnico pelo software eSocial Brasil e pela rede de clinica médicas ocupacionais Pro Life, com atuação em Itabira, Barão de Cocais, Nova Lima, Itabirito, Mariana e Congonhas.

Matérias Relacionadas

‘Biossólido Itabira’ irá transformar lodo da Estação de Tratamento de Esgoto Laboreaux em um insumo agrícola

O “Biossólido Itabira”, uma colaboração entre o Serviço Autônomo de Água e Esgoto de...

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Festival Os Sons do Brasil’ chega em Ouro Preto e Mariana entre 20 a 22 de junho

Entre os dias 20 a 22 de junho, Ouro Preto e Mariana serão palcos...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Cidade das gemas: moradores de Teófilo Otoni vivem terror com guerra entre facções criminosas

Bandidos trocaram tiros com a Polícia na noite desta quinta-feira; PCC e Comando Vermelho vêm amedrontando moradores da cidade nas últimas semanas

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios