Prefeitura anuncia segunda etapa de obras do Centro-Administrativo de São Gonçalo do Rio Abaixo

Publicado em

 

A Prefeitura de São Gonçalo do Rio Abaixo anunciou nesta quarta-feira (4) o início da segunda etapa da construção do Centro Administrativo que abrigará todas as secretarias municipais e gabinetes da administração pública. A obra tem o objetivo de melhorar atendimento à população e otimizar os gastos da gestão do município.

De acordo com a Prefeitura, a concentração de todas as secretarias em um só prédio vai gerar economia ao município, já que atualmente as instalações da administração municipal estão distribuídas em diversos prédios e regiões da cidade, o que gera como consequências falta de agilidade e gastos com aluguel de imóveis, manutenção, vigilância, entre outros.

Localizado na Avenida Contorno Oeste, próximo ao Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e a rotatória com a avenida Central, o Centro Administrativo contará com três pavimentos em estrutura pré-moldada.

Prefeitura apresenta LOA

A Prefeitura de São Gonçalo do Rio Abaixo apresentou, nesta terça-feira (3), os resultados do Exercício do 2º Quadrimestre de 2023 e Orçamento para o próximo ano. Os dados foram divulgados em Audiência Pública na Câmara Municipal. A Lei Orçamentária Anual prevê receitas e despesas para o exercício de 2024 de aproximadamente R$ 460 milhões. Os valores serão investidos em novas obras, educação, saúde e demais áreas da administração.

Sem Titulo 5 5
Em audiência pública realizada na Câmara, gestores apresentaram dados positivos da administração

Os números foram divulgados pelo secretário de Planejamento, Eduardo José Quaresma, e pelo contador da Secretaria de Fazenda, Júlio Couto. O objetivo foi apresentar a Avaliação das Metas Fiscais no período conforme legislação.

De acordo com a avaliação da Prefeitura, os resultados indicam a “solvência fiscal” da administração pública, já que demonstram a capacidade do município em honrar o pagamento de suas dívidas utilizando receitas próprias. Os gestores destacaram o fato de as parcelas da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM) estarem atrasadas, em face do resultado positivo.

Matérias Relacionadas

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

“É impossível conduzir uma agência na situação que ela está” – diz AMIG sobre Agência Nacional de Mineração

A Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil(AMIG) declarou apoio aos...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...