Saiba o que é o Ministério de Minas e Energia e entenda a sua importância para a mineração no Brasil.

Publicado em

O Ministério de Minas e Energia, conhecido como MME, é o órgão do Poder Executivo Federal responsável pelas diretrizes de exploração mineral e de recursos energéticos no Brasil. Leia a matéria abaixo e saiba mais sobre o ministério, suas funções e sua importância para o setor mineral do país.

No Brasil, o poder executivo tem o presidente da república como figura principal. No entanto, os ministérios são pastas de áreas específicas chefiadas pelos ministros escolhidos pelo próprio presidente. O MME foi criado em 1960, pelo governo de Juscelino Kubistchek e, ao longo da história, o órgão passou por diversas modificações. Em 1992, após ser extinguido e vinculado ao Ministério de Infraestrutura, o MME foi reestabelecido. No atual governo, o Ministro de Minas e Energia é Alexandre Silveira.

alexandre silveira e lula reproducao
Ministro de Minas e Energia, Alexandre de Silveira e Presidente Luís Inácio Lula. Imagem: Reprodução | Instagram
O que faz o MME?

Atualmente, a Lei n° 10.683/2003 e o decreto n° 9.675/2019 conduzem o ministério e atribuem a ele suas competências. De acordo com a Lei, as matérias que estão relacionadas ao MME são: Mineração, metalurgia, petróleo, combustíveis, energia elétrica, geologia, energia hidráulica e recursos minerais e energéticos. Para a mineração, a área de Recursos Minerais é a mais importante, pois envolve todo o processo de exploração mineral.

A principal definição das responsabilidades do MME é a elaboração de políticas nacionais para as áreas nas quais ele atua. O Plano Nacional de Mineração 2030 e o Plano Nacional de Energia 2050 são exemplos de documentos de políticas nacionais. O ministério também tem como competência a realização de campanhas e projetos relacionados aos setores mineral energético, como o Programa Mais Luz Para a Amazônia, de 2020.

A estrutura do MME é subdivida em secretarias específicas. Atualmente, o ministério conta com quatro secretarias. São elas: Secretaria de Energia Elétrica, Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Energético (SPE), Secretaria de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (SPG) e Secretaria de Geologia, Mineração e Transformação Mineral (SGM).

Entidades envolvidas

Apesar de ser o órgão máximo de representatividade e administração do setor mineral e energético do Brasil, o Ministério de Minas e Energia conta com algumas entidades independentes, as quais não possuem subordinação ao órgão. O principal exemplo de entidade vinculada ao MME, atualmente, é a Petrobras. Além da Petrobrás, a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) e a Empresa de Pesquisa Energética (EPE) também exercem grande importância na prestação de serviços e projetos conjuntos com o MME.

Matérias Relacionadas

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

“A Concessão Itabira Iron”: Livro relata a história da mineração em Itabira.

"A concessão Itabira Iron, a origem da Vale e os primórdios da mineração no...

“É impossível conduzir uma agência na situação que ela está” – diz AMIG sobre Agência Nacional de Mineração

A Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil(AMIG) declarou apoio aos...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios

‘AMM nas Micros’ chega em Conceição do Mato Dentro na próxima semana

A caravana do “AMM nas Micros” volta às estradas e desta vez o objetivo...