Acelen vai investir 125 milhões para implantar centro de biocombustíveis no Norte de Minas

Publicado em

 

O Governo de Minas anunciou nesta quinta-feira (7) que o estado irá sediar um novo projeto no setor de biocombustíveis com investimentos da empresa de energia Acelen. Será instalado em Montes Claros, no Norte de Minas, um Centro de Inovação e Tecnologia para o desenvolvimento agroindustrial da produção de óleo vegetal e demais produtos a partir da macaúba.

De acordo com o Governo de Minas, o investimento será de R$ 125 milhões, com previsão de geração de 260 empregos. A empresa já adquiriu um terreno de 150 hectares para a instalação do empreendimento. A data de implementação, no entanto, ainda não foi divulgada.

O anúncio foi feito durante a participação mineira na 28ª Conferência do Clima da Organização das Nações Unidas (COP28), realizada em Dubai, nos Emirados Árabes. Conforme divulgado, a unidade da Acelen terá um programa de melhoramento genético, produção de mudas e manejo agronômico, visando a qualidade do produto, a redução dos custos de produção e a expansão do cultivo.

Entre os subprodutos da macaúba estão os biocombustíveis, como o biodiesel, e também combustível para aviação, reduzindo a emissão de gases de efeito estufa (GEE), minimizando o impacto ambiental.

“É motivo de comemoração Minas Gerais ter agora, em Montes Claros, a perspectiva da inauguração desse centro de pesquisa e produção das mudas e, também, a possibilidade de expansão das plantações de macaúba que vão alimentar as usinas que serão instaladas pela Acelen ao longo do tempo”, diz o vice-governador do estado, Mateus Simões.

Acelen tem sede e Abu Dhabi e investe em mais de 50 países

A Acelen é gerida pelo Mubadala Capital, subsidiária de gestão de ativos da Mubadala Investment Company, um investidor soberano global com sede em Abu Dhabi e com investimentos multisetoriais em mais de 50 países.

“Estamos muito satisfeitos em ver que um fundo global dessa magnitude escolheu Minas Gerais para um dos seus principais projetos de economia verde no Brasil. Isso mostra ao mundo inteiro que nosso estado se tornou uma opção segura e confiável para receber investimentos robustos em sustentabilidade, o que significa mais recursos para as cidades e mais empregos para os mineiros”, diz o diretor de Atração de Investimentos da Invest Minas, Leandro Andrade.

Matérias Relacionadas

‘Biossólido Itabira’ irá transformar lodo da Estação de Tratamento de Esgoto Laboreaux em um insumo agrícola

O “Biossólido Itabira”, uma colaboração entre o Serviço Autônomo de Água e Esgoto de...

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Festival Os Sons do Brasil’ chega em Ouro Preto e Mariana entre 20 a 22 de junho

Entre os dias 20 a 22 de junho, Ouro Preto e Mariana serão palcos...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Cidade das gemas: moradores de Teófilo Otoni vivem terror com guerra entre facções criminosas

Bandidos trocaram tiros com a Polícia na noite desta quinta-feira; PCC e Comando Vermelho vêm amedrontando moradores da cidade nas últimas semanas

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios