Entrevista com Zé Fernando, prefeito de Conceição do Mato Dentro

Publicado em

Em parceria com o Cidades e Minerais, o jornalista Mauro Quintão (Interlocução Brasil), realizou uma entrevista com José Fernando de Oliveira, prefeito de Conceição do Mato Dentro. Leia a matéria a seguir e confira.

O encontro ocorreu no dia 28 de fevereiro, na sede do executivo municipal do município de Conceição do Mato Dentro. José Fernando Aparecido de Oliveira, conhecido popularmente como Zé Fernando, está em seu quarto mandato como prefeito de Conceição do Mato Dentro. O político é o idealizador do Fundo de Diversificação Econômica do município e presidente da Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil (AMIG).

Mauro Quintão questionou ao prefeito questões acerca da administração pública, projetos para 2023, ecoturismo e mineração. Zé Fernando ressaltou o conceito de “Desenvolvimento Integrado” que está relacionado ao desenvolvimento de projetos e políticas conjuntas para a região de Conceição do Mato Dentro, para além dos limites do município.

“Crescer não é desenvolver. Crescer é gerar problemas na infraestrutura, violência e ocupações irregulares. Isso é crescimento desordenado. Então, nós estamos trabalhando para transformar esse crescimento em desenvolvimento e qualidade de vida para o povo de Conceição do Mato Dentro. É nessa linha que nós trabalhamos em parceria com a mineradora (Anglo American).
Minas Gerais é o único estado da federação que tem em seu próprio nome a atividade da mineração. Minas Gerais e Conceição já vêm da experiência de Ciclo do Ouro e Ciclo dos Diamantes, os quais acabaram. “O minério não dá duas safras”. Essa é a fase mais importante que foi dita por Arthur Bernardes em sua luta em defesa das riquezas minerais. A gente trabalha com uma visão de longo prazo, de que a mineração é finita, nós temos que fazer o trabalho difícil no momento de abundância, nós temos que pensar no futuro.
O futuro é consequência do presente e a gente tem que pensar no futuro com os olhos no nosso passado também. É resgatando valores, patrimônio histórico, cultural, ético e moral.”

Ao ser questionado sobre a relação entre o município e a Anglo American, mineradora atuante na região, o prefeito afirmou que a empresa é uma grande parceira do poder público em Conceição do Mato Dentro.

“A Anglo American é uma grande parceira do município. A gente trabalha afirmando nossos valores e interesses públicos, mas buscando parceria pelo desenvolvimento de Conceição do Mato Dentro. A atividade mineradora veio pra ficar e a gente precisa se relacionar bem com ela. Eu vejo a Anglo como uma parceira de desenvolvimento em Conceição, que gera emprego, oportunidades e muita receita para o nosso município investir em saúde, infraestrutura, educação e segurança pública. Além disso, há as condicionantes que a mineradora é obrigada por lei a cumprir.”

Ecoturismo

Conceição do Mato Dentro é considerada a capital mineira do ecoturismo. Além de exaltar as belezas naturais como as cachoeiras do município, Zé Fernando também destacou a atuação da mineradora em projetos relacionados ao ecoturismo.

“A Anglo American foi a grande parceira do nosso parque ecológico do tabuleiro. Foi feita uma trilha de acesso com mais conforto para o turista, com investimento de mais de 1 milhão e meio de reais dentro do parque, feito pela Anglo. Isso mostra que eles têm a devida consciência da importância daquela unidade de conservação, da cachoeira e daquele equipamento para o desenvolvimento urbano de uma outra cadeia que não é a mineração e, sim, o turismo.”

Perspectivas

Estando no último ano de seu mandato, o prefeito falou sobre a conclusão do conjunto de obras realizado nas estradas da região e da reforma do Hospital Municipal Imaculada Conceição. Segundo Zé Fernando, o desenvolvimento integrado e sustentável em parceria com a mineradora é a prioridade neste momento. O prefeito também falou sobre a aplicação de CFEM na atividade ecoturística e a possibilidade de instalação da mineradora Vale no município.

Ainda sobre projetos futuros, o político ressaltou que a mineração é um recurso finito, portanto, a cidade está estudando a criação de um Parque Industrial com o objetivo de diversificar a economia.

Para conferir a entrevista na íntegra, acesse o canal Interlocução Brasil, no YouTube.

 

 

 

Matérias Relacionadas

‘Biossólido Itabira’ irá transformar lodo da Estação de Tratamento de Esgoto Laboreaux em um insumo agrícola

O “Biossólido Itabira”, uma colaboração entre o Serviço Autônomo de Água e Esgoto de...

‘Festival Fartura Dona Lucinha’ agita cidades de Serro e Conceição do Mato Dentro

Entre os dias 20 e 28 de maio, o "Festival Fartura Dona Lucinha" chega...

‘Festival Os Sons do Brasil’ chega em Ouro Preto e Mariana entre 20 a 22 de junho

Entre os dias 20 a 22 de junho, Ouro Preto e Mariana serão palcos...

‘Rodovia do Minério’: acordo entre MPMG e prefeituras pode tirar 1.500 carretas da BR–040

No primeiro semestre deste ano, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) pretende finalizar...

últimas Matérias

 Anglo Gold Ashanti tem vagas de estágio para níveis técnico e superior

Vagas se destinam tanto a atuações presenciais quanto híbridas, com carga horária diária de 6 horas; Inscrições podem ser feitas pela internet até 31 de agosto

 Ato em defesa da ANM – servidores protestam pela estruturação da Agência Nacional de Mineração

Servidores da Agência Nacional de Mineração estão com as atividades paralisadas como forma de...

 Cidade das gemas: moradores de Teófilo Otoni vivem terror com guerra entre facções criminosas

Bandidos trocaram tiros com a Polícia na noite desta quinta-feira; PCC e Comando Vermelho vêm amedrontando moradores da cidade nas últimas semanas

 Funcionários dos Correios desistem de greve na véspera da Black Friday

Servidores cogitavam paralisação para reivindicar correções em Acordo Coletivo e melhores condições de trabalho, mas desistiram da ideia após terem pedidos considerados pelos Correios